Quantas vezes já ouviram dizer que o tempo corre num ápice? Quantas vezes ouvem falar do frenesim que são os dias, divididos por múltiplas tarefas, obrigações e responsabilidades?

Quantas vezes este frenesim mental e emocional nos corrói o corpo e a mente? Quantas vezes não conseguimos estar em paz, serenas, equilibradas, satisfeitas e plenas?

Quantos foram os dias, neste último ano, em que ficámos completamente exaustas e perdidas? Quantas foram as noites em que o sono teimava em não surgir, convergindo com uma ruminação persistente inquietante?

Quantas vezes, damos por nós a sentir na pele o que é a psicossomática?

Por vezes, os dias tornam-se semanas, as semanas tornam-se meses e os meses dão lugar a anos… Por vezes, paramos e tomamos consciência de como não estamos a viver a nossa vida em conformidade com o melhor de nós.

Todas reconhecemos a dificuldade que é alterar o nosso quotidiano, a mudança implica tempo, esforço, dedicação e muita resiliência. Não existem formulas, ou vidas exemplo perfeitas, mas existem detalhes que poderão fazer a diferença no tempo que escolhes passar contigo.

Não tenho uma fórmula ou solução para te apresentar, posso-te apenas sugerir que faças escolhas que te permitam ter um estilo de vida com maior conexão.

O que resulta comigo? Como encontro essa conexão?

Escrevo! Gosto de escrever, faço-o desde pequenina, desde o tempo dos diários, e desde sempre, a escrita tem sido a minha melhor terapia. Escrever, obriga-me a parar, a recuar por vezes, a observar… a estar. Escrever é o meu momento de desacelerar. O meu momento de estar e ser em verdade comigo!

Sempre tive uma mente “fértil”, com dificuldade em desacelerar. Sempre a imaginar, sonhar, criar… Sempre fui apelidada de “pensar de mais”, mas sempre encontrei a paz e a serenidade numa folha em branco.

Deixo-te o convite para procurares dentro de ti, as estratégias e as mudanças que te permitirão viver uma vida mais plena e em conexão contigo e com os teus verdadeiros valores.

Com amor,

Débora ♡

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *